Pesquisando em R.I Luíza Veiga

Hoje no Pesquisando em R.I abordaremos sobre a linha de pesquisa da graduanda Luíza Veiga, que aborda sobre a comunidade japonesa e sua respectiva cultura no estado do Pará e como tais eventos são importantes para a mesma como a Animazon e a Feira da Nipo especificamente em aspectos políticos e sociais. 

Segundo a acadêmica, as identidades culturais impactam na política em forma de influências indiretas sobre as pessoas por forma de eventos que estimulem o contato com a cultura distinta de tal país que possui o interesse de exercer sua influência de acordo com os preceitos do Soft Power.

Para o seu embasamento, será utilizado os pensamentos de Stuart Hall sobre a identidade cultural na pós-modernidade, onde há uma mistura de identidades, onde um indivíduo não se identifica apenas com uma característica única de algum país precisamente, podendo haver uma pluralidade de interesses e identidades em uma única pessoa.

Isso será usado em conjunto com teorias complementares para o espectro político, neste caso sendo a teoria de Soft Power com Joseph Nye à luz da visão norte-americana, embora esta análise se encaixe com espectros de outros países no cenário internacional, sendo comprovado nesta pesquisa já que o Consulado do Japão em Belém apoia os eventos citados anteriormente de forma estratégica ao ponto de impactar nas relações políticas. De acordo com as declarações da pesquisadora, o seu projeto de estudo é importante pois busca pelo entendimento da influência das identidades culturais. 

Por Henrique Kuroda