Destaques Internacionais

 

w1

North Korea fires two short-range projectiles: South Korea

Coréia do Norte dispara dois projéteis de curto alcance: Coréia do Sul

         A Coréia do Norte realizou seu terceiro teste de mísseis em oito dias, segundo os militares do sul, mas o presidente dos EUA, Donald Trump, disse que “não tem problema” com a onda de lançamentos de Pyongyang. Os dois projéteis de curto alcance não identificados foram disparados separadamente da costa leste da Coréia do Norte na sexta-feira (02) e chegaram ao mar, informou a agência de notícias Yonhap, a Joint Chiefs of Staff (JCS) da Coréia do Sul.

Para ler a notícia completa, acesse: https://www.aljazeera.com/news/2019/08/north-korea-fires-unidentified-projectiles-south-korea-190801203316001.html

w2

Para el FMI, la debilidad global podría frenar aún más la economía de América Latina en 2019

Para o FMI, fraqueza global poderia desacelerar ainda mais a economia da América Latina em 2019

      O Fundo Monetário Internacional (FMI) reiterou nesta segunda-feira (29) a magnitude “histórica” ​​da crise econômica na Venezuela, apesar da queda da inflação mensal, e alertou que a “fraqueza” global poderia reduzir ainda mais as previsões para a América Latina diante da desaceleração no Brasil, no México e na Argentina. Para 2019, o Fundo espera um crescimento do PIB real de 0,6%, que é a menor taxa desde 2016; enquanto em 2020 espera uma recuperação para 2,3%.

Acompanhe a notícia completa, em: https://www.clarin.com/mundo/fmi-debilidad-global-podria-frenar-economia-america-latina-2019_0_ah5SI2I5H.html

w3

US formally withdraws from nuclear treaty with Russia and prepares to test new missile

EUA formalmente se retiram do tratado nuclear com a Rússia e se prepara para testar novos mísseis

        Os Estados Unidos se retiraram formalmente do Tratado de Forças Nucleares de Faixa Intermediária com a Rússia, enquanto os militares dos EUA se preparam para testar um novo míssil de cruzeiro não nuclear desenvolvido especificamente para desafiar Moscou na Europa. A retirada dos EUA põe fim a um pacto de controle de armas que limitou o desenvolvimento de mísseis terrestres com um alcance de 500 a 5.500 quilômetros e está provocando temores de uma nova corrida armamentista.

Veja a notícia completa, em: https://edition.cnn.com/2019/08/02/politics/nuclear-treaty-inf-us-withdraws-russia/index.html

w4

Presidente paraguaio anula acordo com o Brasil para evitar impeachment

        O Governo paraguaio anulou a ata secreta assinada com o Brasil em 24 de maio sobre a partilha do excedente de energia que os dois países geram conjuntamente na imensa usina hidrelétrica de Itaipu, uma das maiores do mundo. Esta inédita crise de Governo teve início na semana passada com a renúncia do presidente da empresa nacional de energia elétrica, que se recusou a assinar o acordo, até então secreto.

Veja a notícia completa, em: https://brasil.elpais.com/brasil/2019/08/01/internacional/1564674648_241391.html

w5

Boris Johnson sofre primeira derrota eleitoral

             Boris Johnson teve seu primeiro revés político desde que assumiu no último mês a chefia do governo do Reino Unido, ao perder a eleição intercalar quinta-feira (01). O resultado tirou um deputado aos Conservadores, reduzindo assim a maioria parlamentar dos ‘Tories’ a um voto, depois da derrota do conservador Chris Davis para a liberal democrata Jane Dodds no círculo eleitoral de Brecon e Radnorshire. O resultado pode ser uma ameaça à futura estabilidade do Executivo britânico.

Para acompanhar a notícia na integra, acesse: https://pt.euronews.com/2019/08/02/boris-johnson-sofre-primeira-derrota-eleitoral

Jair Bolsonaro

Brésil: Jair Bolsonaro licencie le directeur de l’institut divulguant les données sur la déforestation

Brasil: Jair Bolsonaro demite diretor de instituto que divulgou dados sobre desmatamento

      O diretor do Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (INPE), encarregado de divulgar os números sobre o desmatamento da Amazônia, esteve no “alvo” do chefe do Estado por várias semanas. Jair Bolsonaro não gostou que a organização estivesse revelando a extensão da destruição da floresta nativa brasileira, revelando mês após mês dados cada vez mais assustadores. O direto havia prometido continuar firme, mas, diante da fúria de Jair Bolsonaro, acabou sendo demitido do cargo. Nas próximas semanas, Bolsonaro deve indicar um sucessor.

Veja a notícia completa, em: https://www.lemonde.fr/international/article/2019/08/02/bresil-jair-bolsonaro-licencie-le-directeur-de-l-institut-divulguant-les-donnees-sur-la-deforestation_5496097_3210.html

*Tradução nossa.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s