Guerra do Paraguai e a Intervenção Brasileira

Arthur Rubens Silva Miranda – Acadêmico do 7º semestre de Relações Internacionais na Universidade da Amazônia (UNAMA)

Entre os anos de 1864 a 1870 surgiu um conflito que ficou marcado na história conhecido como Guerra do Paraguai. Tal guerra foi causada pelos diferentes interesses que existiam entre as nações platinas na segunda metade do século XIX. Porém, o verdadeiro gatilho para o prelúdio desta guerra ocorreu quando o Brasil invadiu o Uruguai para lutar contra os blancos. Os blancos, que eram liderados por Manuel Oribe, eram donos de estâncias do interior do Uruguai, que disputavam com os colorados (estes liderados por Frutoso Riviera) o poder político uruguaio, causando assim forte instabilidade na região.

As causas desta guerra emergiram de duas resultantes: A primeira pelo processo de formação das nações platinas (Brasil, Uruguai e Argentina) e a segunda foi resultado dos diferentes interesses econômicos e políticos pertencentes a cada nação durante a segunda metade do século XIX.

 A partir daí, os primeiros atos de agressão manifestaram-se a partir do aprisionamento de uma embarcação brasileira, que navegava pelo rio Paraguai em direção a Cuiabá, e a invasão do Mato Grosso (atualmente conhecido como Mato Grosso do Sul). É válido ressaltar que o governo brasileiro requisitava a livre à navegação nos rios da Bacia Platina que cortavam o Paraguai.

Constantes ameaças vindas do Império ao vizinho Paraguai efetivaram os países a selarem um acordo em abril de 1856, que tinha como propósito dar garantia ao Brasil para que praticasse a livre navegação no rio Paraguai. Porém, mesmo com tratado tendo sido imposto, os paraguaios prosseguiam dificultando as navegações brasileiras, afetando cada vez mais a relação entre eles. Somente em 1862 que a relação entre os países piorou de forma definitiva, pois com a posse de Solano Lopez ao cargo de presidente paraguaio e com a aproximação com os federalistas argentinos, que se originou a aliança que vai gerar o Partido Blanco.

A guerra se alastrou mais do que se era esperado, isso tudo porque a geografia e o desconhecimento da região dificultavam as ações dos envolvidos. E devido ao número de baixas das batalhas, o Imperador Don Pedro II chegou a criar o programa Voluntários da Pátria, prometendo uma série de benefícios como lotes de terras, dinheiro e a alforria para os escravos que se alistassem. Porém, devido à baixa procura, o governo acabou estipulando que deveria enviar obrigatoriamente um número de pessoas proporcional a sua população (POLITIZE, 26 de setembro de 2019).

Somente em 1863, que a tensão política ocorrida no Uruguai se expandiu levando os colorados a começar uma rebelião contra o governo blanco. Mediante a isso, o governo brasileiro foi posto contra a parede para pressionar e interromper a disputa política uruguaia. A pressão foi executada pelos grandes fazendeiros gaúchos que tiveram seus interesses econômicos prejudicados na região antibrasileira posta em prática pelos blancos.

Sendo assim, percebe-se que a intervenção brasileira veio à tona diante de indícios na disputa política uruguaia, com o intuito de procurar defender os cidadãos brasileiros no Uruguai que estavam sendo agredidos por milícias blancas. Desta forma, fica nítido que a gana brasileira no Uruguai era para exonerar os blancos do poder para que assim os colorados assumissem por ter suas ideologias alinhadas com o Brasil. 

REFERÊNCIAS BIBLIOGRÁFICAS:

Guerra do Paraguai. História do mundo, 2021. Disponível em: https://www.historiadomundo.com.br/idade-contemporanea/guerra-do-paraguai.htm/ Acesso em 16 de fev. de 2021.

O Palco da Guerra do Paraguai. Aventuras na História, 2007. Disponível em: https://aventurasnahistoria.uol.com.br/noticias/acervo/palco-guerra-paraguai-435194.phtml/ Acesso em 16 de fev. de 2021.

Guerra do Paraguai: o maior conflito sul-americano. Politize, 2019. Disponível em: https://www.politize.com.br/guerra-do-paraguai/ Acesso em 16 de fev. de 2021.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s