The Ottoman Lieutenant (2017)C

Maria Eduarda Diniz – Acadêmica do 5° semestre de Relações Internacionais da UNAMA

The Ottoman Lieutenant (2017), ou Amor em tempos de Guerra, como é conhecido no Brasil, é um filme que conta a história da enfermeira americana Lillian Rowe, que decide deixar os Estados Unidos para ajudar o Doutor Jude num hospital missionário na Turquia, quando o Império Otomano estava perto de ruir. Lá, ela acaba se envolvendo com um militar otomano e também na vida daquelas pessoas que seriam tão afetadas pela guerra.

O filme divide opiniões entre os críticos de cinema e telespectadores, sendo considerado um grande romance histórico, por seus amantes, ou um grande clichê, para seus críticos. Porém, para além das opiniões, o longa é extremamente interessante e importante por tratar da luta na Europa Oriental, e principalmente, do Império Otomano, um ator pouco lembrado quando se fala da Primeira Guerra Mundial. Lillie chega na Europa bem quando a guerra está prestes a explodir, fugindo da sociedade americana extremamente racista e machista do início do século XX, e logo se vê impedida de atingir o objetivo de chegar com suprimentos para o hospital, primeiro pelo governo otomano, que estava retendo suprimentos americanos sem suporte militar, e segundo, pelos armênios, que viviam em constante conflito com as autoridades turcas.

A enfermeira Lillie e o Doutor Woodruf, o fundador do hospital, talvez sejam os únicos personagens verdadeiramente neutros dentro do conflito. O constante embate entre o tenente Ismail, o amigo que levou Lillie para o hospital, e o Doutor Jude, acabam representando o embate entre os dois lados, entre as duas crenças em guerra no interior da Turquia, a muçulmana e cristã, respectivamente. Esse conflito é o pano de fundo da trama, muito mais do que a Primeira Guerra em si. Esse embate levaria ao genocídio armênio, retratado em parte no filme, que junto ao Holocausto e ao genocídio ucraniano, é considerado um dos genocídios mais sangrentos do século XX.

Os sentimentos da enfermeira, do tenente e do médico se misturam aos sentimentos daqueles a quem eles devem ou decidem proteger. As decisões de cada um os conectam cada vez mais a guerra, e a morte rodeia a todos. É um ótimo filme para quem deseja conhecer mais de episódios esquecidos das guerras, ou para aqueles que gostam de um bom romance.