q1

Venezuela acusa Governo Bolsonaro de apoiar atentado em base militar e Itamaraty rebate

         Ministros do Governo de Nicolás Maduro acusaram o Brasil de apoiar grupos de criminosos que invadiram unidades militares da Venezuela. Segundo informações oficiais, os indivíduos eram comandados por um desertor das Forças Armadas venezuelanas. Em resposta, o Ministério das Relações Exteriores da gestão Jair Bolsonaro contestou a afirmação em uma nota sintética enviada a quem questionava o posicionamento do país diante das acusações.

Para ler a notícia completa, acesse: https://brasil.elpais.com/brasil/2019-12-23/venezuela-acusa-governo-bolsonaro-de-apoiar-atentado-em-base-militar-e-itamaraty-rebate.html

q2

México denunciará ante la Corte Internacional de Justicia el asedio de Bolivia a su embajada en La Paz

O México denunciará perante o Tribunal Internacional de Justiça o cerco da Bolívia à sua embaixada em La Paz

            O governo do México vai denunciar, perante o Tribunal Internacional de Justiça, a Bolívia pelo assédio das forças de segurança em sua embaixada e residência em La Paz, disse o ministro das Relações Exteriores, Marcelo Ebrard. Pouco depois, a executiva interina de Jeanine Añez descreveu como “absurda” a decisão. O funcionário explicou que desde 15 de novembro o México recebeu vários requerentes de asilo em sua embaixada e residência do embaixador em La Paz, que eles aceitaram pela “tradição” de refúgio do país.

Acompanhe a notícia completa, em: https://www.clarin.com/mundo/mexico-denunciara-corte-internacional-justicia-asedio-bolivia-embajada-paz_0_lUK57_OP.html

q3

Israel’s Benjamin Netanyahu comfortably wins party leadership challenge

Benjamin Netanyahu, de Israel, vence confortavelmente o desafio de liderança do partido

            Netanyahu garantiu 72,5% em oposição ao seu rival Gideon Saar, que contabilizou 27,5%. Saar admitiu a derrota, dizendo que agora apoiaria Netanyahu em uma eleição geral prevista para março. A votação interna do partido foi vista como um teste do poder de Netanyahu em um momento de crescentes dificuldades. Netanyahu enfrenta julgamento por acusações de suborno e corrupção, além de uma terceira eleição nacional dentro de um ano.

Veja a notícia completa, em: https://www.bbc.com/news/world-middle-east-50920575

q4

Iraqi protesters back president’s rejection of al-Eidani as PM

Manifestantes iraquianos apoiam rejeição do presidente de al-Eidani como primeiro-ministro

      Manifestantes iraquianos expressaram apoio à ameaça de renúncia de seu presidente, em vez de aceitar o candidato de primeiro-ministro de uma coalizão pró-Irã. O presidente Barham Salih resistiu às tentativas recentes de uma coalizão pró-Irã de apresentar candidatos a primeiro-ministro, que incluem um ministro renunciado e um governador controverso, Asaad al-Eidani.

Para acompanhar a notícia na integra, acesse: https://www.aljazeera.com/news/2019/12/iraqi-protesters-president-rejection-al-eidani-pm-191227175830052.html

q6

Brexit talks: EU chief questions feasibility of Johnson’s time limit

Líderes da UE questionam viabilidade do prazo de Johnson

        Boris Johnson deve reconsiderar sua recusa em estender o prazo de 11 meses disponível para um acordo sobre o futuro relacionamento do Reino Unido com a União Europeia após o Brexit, sugeriu Ursula von der Leyen. A presidente da comissão europeia disse ter “séria preocupação” com o tempo limitado disponível para as negociações e enfatizou a necessidade de manter todas as opções em aberto.

Para acompanhar a notícia na integra, acesse: https://www.theguardian.com/politics/2019/dec/27/eu-chief-questions-feasibility-of-boris-johnson-brexit-talks-time-limit

*Tradução nossa.