q1

Trump Steps Into North Korea and Agrees With Kim Jong-un to Resume Talks

Trump entra na Coréia do Norte e concorda com Kim Jong-un em retomar as conversações

       O presidente Trump se tornou o primeiro comandante americano a pisar na Coréia do Norte ao encontrar Kim Jong-un, líder do país, na zona desmilitarizada, e os dois concordaram em reiniciar as negociações sobre o acordo nuclear. Após cerca de um minuto em território norte coreano, Trump levou Kim de volta à Coréia do Sul, onde os dois se dirigiram a um grupo de jornalistas antes de entrar no prédio conhecido como Freedom House, para uma conversa particular com o Presidente Moon.

Para ler a notícia completa, acesse: https://www.nytimes.com/2019/06/30/world/asia/trump-north-korea-dmz.html

q2

França alerta que revisará com lupa o acordo com o Mercosul antes de ratificá-lo

      A França fez concessões cruciais para que a União Europeia chegasse a um acordo comercial com o Mercosul. O Governo de Jair Bolsonaro é claramente uma das principais inquietações da França. O ministro da Transição Ecológica, François de Rugy, também lançou uma advertência a Brasília. Antes de assinar, Paris fará uma análise minuciosa de todos os pontos e, sobretudo, das “linhas vermelhas” que o Governo francês estabeleceu para pôr fim aos quase 20 anos de negociações que marcaram este tratado.

Acompanhe a notícia completa, em: https://brasil.elpais.com/brasil/2019/07/02/internacional/1562084329_682170.html

q3

Parlamento europeo, David Sassoli eletto nuovo presidente: “Riformare le regole di Dublino”

Parlamento Europeu, David Sassoli, eleito novo presidente: “Reformando as regras de Dublin”

        David Sassoli, candidato oficial dos socialistas e democratas, foi eleito presidente do Parlamento Europeu durante a sessão plenária em Estrasburgo com 345 votos. Sua eleição foi anunciada em Montecitorio pelo deputado Emanuele Fiano e foi recebida com um longo aplauso da Câmara. No seu primeiro discurso como presidente, Sassoli sublinhou a necessidade de rever os acordos de Dublim sobre os fluxos migratórios. O líder da Liga do Norte, Matteo Salvini comentou com decepção sobre a nomeação de Sassoli como presidente.

Veja a notícia completa, em: https://www.repubblica.it/politica/2019/07/03/news/elezione_presidente_parlamento_europeo-230213513/?ref=search

q4

Iran demands UK release of oil tanker held in Gibraltar

Irã exige liberação de petroleiro do Reino Unido em Gibraltar

        O Irã condenou a captura “ilegal” de um petroleiro pelo Reino Unido em Gibraltar e exigiu sua libertação imediata. Um alto funcionário do Ministério das Relações Exteriores do Irã descreveu a decisão do Reino Unido como “inaceitável” em uma reunião com o embaixador britânico, que havia sido convocado para ouvir um protesto formal, disse o ministério em um comunicado. John Bolton, conselheiro de segurança nacional da Casa Branca, aplaudiu a interceptação do super tanque.

Veja a notícia completa, em: https://www.aljazeera.com/news/2019/07/iran-demands-uk-release-syria-bound-oil-tanker-held-gibraltar-190705065000381.html

q5

Venezuela releases 22 prisoners after UN report

Venezuela libera 22 presos após relatório da ONU

     A Venezuela libertou nesta quinta-feira (04) 22 prisioneiros, incluindo a destacada juíza Maria Afiuni e o jornalista Braulio Jatar, segundo a ONU. Eles foram libertados no mesmo dia em que a ONU publicou um relatório do chefe dos direitos humanos, Michele Bachelet, detalhando supostos abusos de direitos no país. Bachelet pediu separadamente ao presidente Nicolás Maduro que libertasse os prisioneiros, disse seu porta-voz. A Venezuela disse que o relatório de Bachelet é tendencioso.

Para acompanhar a notícia na integra, acesse: https://www.bbc.com/news/world-latin-america-48887453

q6

Brazil: calls grow for Bolsonaro ally to quit after ‘devastating’ report on leaks

       O ministro da Justiça do Brasil, Sérgio Moro, está enfrentando uma pressão renovada para renunciar depois que a principal revista do país relacionou seu envolvimento em um escândalo sobre seu papel em uma enorme investigação anticorrupção. O presidente de extrema direita, Jair Bolsonaro, e seus partidários tentaram retratar a enorme quantidade de revelações sobre a conduta de Moro na Operação Lava Jato como parte de um ataque de esquerda liderado pelo site investigativo Intercept e seu co-fundador Glenn Greenwald.

Veja a notícia completa, em: https://www.theguardian.com/world/2019/jul/05/brazil-sergio-moro-jair-bolsonaro-justice-minister

 

*Tradução nossa.